REGIONAL MANAUS


 VII ERESER MANAUS aconteceu nos 

 dias 6, 7 e 8 de setembro de 2019 em  MANAUS 

Realizou-se na sede da ONG de Crianças em Perigo "Aldeias Infantis SOS Brasil - Manaus", com uma grande área com casas, salões, Teatro, onde são atendidas umas 80 crianças. É aqui que o Nelson Peixoto e sua família e toda uma equipe, coordenam esta obra assistencial, dentro de um espaço apropriado.

Os participantes em número de quase 80 pessoas, vindos de Manaus, Belém, Coari, Acre e outros lugares, são em geral aposentados e com bom nível social e nós quatro da Diretoria de S. Paulo: Staliano, Silvério, Padres Anchieta e José Marques.

Na direção da Uneser de Manaus, há uma equipe de grande valor, doação e generosidade. São encabeçados pelo Nelson Peixoto e esposa, Edvaldo e família e demais membros e que tem como diretor espiritual a Pe Martin, americano, há muitos anos trabalhando no Brasil e também ex-redentorista, que mora perto de Manaus. È uma equipe que já deu grandes passos no entrosamento e colaboração, mas precisando de uma ação evangelizadora que os una mais.

A temática do encontro sobre a vida foi apropriada e tivemos três palestras (Medicina Tradicional, Cartas de Paulo e o Testemunho de fé e coragem diante do câncer de uma participante); Tivemos 2 Eucaristias, com um maravilhoso grupo de canto e músicas de tempo do Seminário. Tivemos uma noite de lazer com um belo jantar e a foto histórica dos 25 anos da obra, junto ao Símbolo do Girassol.

É importante ressaltar a presença do Provincial de Manaus, Pe Amarildo, que orientou a turma sobre a saída dos Redentoristas da catedral de Coari, mas não da diocese pois permaneceremos em Manacapuru. Falou sobre tudo do novo modo da Congregação se organizar nestes tempos de nova reorganização, com a união das Províncias de Campo Grande e Curitiba e também Porto Alegre. E pediu a oração e atenção ao Sínodo de Amazônia, a se realizar em Roma de 6 a 27 de outubro, e onde ele, a pedido do Papa Francisco, participará. Falou da importância deste encontro e da importância de todos trabalharem unidos com a Congregação, que quer trabalhar unida com os Leigos.

Pela UNESER a Coordenação orientou que todo o ex-seminarista é um escolhido e privilegiado do Senhor; que precisamos caminhar unidos à Evangelização da CSSR e dela teremos o apoio que precisarmos; olhando sempre a figura exemplar de S. Afonso e demais redentoristas na preocupação dos mais pobres. Citamos e pedimos oração para a Missão Leiga da UNESER na Comunidade de Santo Expedito em Tietê, SP. Relembramos o Mês da Bíblia (com o Tema: "NEle nossos Povos tenham vida") e o tema do Mês Missionário Extraordinário (Com o tema: "Batizados e Enviados, a Igreja de Cristo em Missão no mundo") e da importância do Sínodo da Amazônia, que refletirá a Evangelização da região Pan Amazônia.

Por fim gostaria de deixar minha Observação Geral e Pessoal:

Agradeço a toda a equipe da Direção da UNESER e os enviados neste Encontro. Eu pessoalmente não conhecia Manaus nem a realidade do trabalho redentorista lá

Foi muito gratificante rever D. Gutemberg, Padres Amarildo e Soares e demais e também nossos ex-padres e colegas.

Fomos maravilhosamente acolhidos e, por tudo isso, agradecemos à Equipe da Uneser de lá. Conhecemos por isso o maravilhoso "Encontro das águas do Rio Negro e do Solimões" e agradecemos em especial ao Jomir Uchoa que gentilmente nos propiciou o passeio ao encontro das águas; conhecemos a Comunidade redentorista de Manacapuru, a 80 Km de Manaus por terra, e a famosa Ponta Negra e sua grandiosa ponte sobre o Rio Negro - tudo asfaltado; Conhecemos um pouco a realidade física de Manaus e sua pujante economia de petróleo e de exportação. No último dia pudemos jantar com a comunidade Provincial.

Lá tudo é grande, as águas, as distâncias, o coração dos Confrades e dos Ex-seminaristas Redentoristas. Deus abençoe a todos e ajude na Perseverança.

Pe J. Marques CSSR




VI ERESER MANAUS

O VI ERESER 2018 da Vice-Província de Manaus aconteceu em Coari nos dias 14 a 16 de setembro, superando os desafios de sua realização e alcançando nota máxima. O indicador de sucesso, entre outros, foi a organização da estrutura local liderada por Evandro Rodrigues e Osni Bruno, colegas redentoristas de longa data.

Tivemos as condições perfeitas para rever nossa espiritualidade como caminhada e realizarmos uma reflexão de toda essa jornada, da saída do Seminário até os dias de hoje.

As memórias do Seminário também se fizeram presentes em atos de louvor, leituras bíblicas e agradecimentos, que dividiram espaço com sorrisos e gargalhadas, reforçando a fraternidade e reatando laços antigos.

Dessa vez o rodízio, como sede anual dos encontros, foi fechado nas três cidades da nossa história: Coari, onde o primeiro Seminário nasceu com o Padre Francisco Hirsch; Belém, para onde se mudou em 1962, tendo lá permanecido até 1973 e Manaus. Atualmente, Manaus é a cidade onde tem o maior número de ex-seminaristas na ativa. É nela que será realizado o nosso sétimo encontro, nos dias 5, 6 e 7 de setembro de 2019.

O Encontro foi premiado com as presenças do Bispo Emérito Dom Gutemberg Régis e do nosso novo diretor espiritual Padre Martin Laumann, os quais sinalizam nosso brado: UMA VEZ REDENTORISTA, SEMPRE REDENTORISTA. O Padre Soares não pôde se fazer presente, mas continua como diretor espiritual emérito.

Nosso encontro contou ainda com as presenças do Presidente e do Secretário da UNESER, Antônio Claudio Ferreira e José Roberto Staliano, que muito contribuíram para o sucesso do evento.

As diversas participações em ministérios eclesiais aconteceram como testemunho da nossa unidade e sintonia nos valores que marcaram nossas vidas nos Seminários e na Igreja.

Dentre as intuições que tivemos e queremos organizar como parte de nossa missão destacamos as seguintes:

1. Atuar na pastoral vocacional redentorista que é anterior à entrada no seminário;

2. Ter maior relacionamento e participação na caminhada dos seminaristas atuais, com a permissão dos formadores da Congregação;

3. Prosseguir a amizade com os egressos de forma que se sintam acolhidos e jamais abandonados na vida cristã e laical.

Assim, nossa atuação pretende ser o elo de continuidade para a identidade que sempre prezaremos: Ser REDENTORISTA, mesmo sem estar como congregado canonicamente.

Para finalizar, através da UNESER tomamos conhecimento da nova reconfiguração geo-organizacional das Unidades Vice-Provinciais de Manaus e Caracas, que irão se juntar com a Província de Bogotá, o que nos leva a indagar "Se a VP de Manaus tivesse maior aproximação com os ex-seminaristas e fossemos mais participantes do carisma afonsiano ainda permaneceríamos com os outros estados da União?" Contudo, respeitamos os critérios que levaram a isso e confiamos no Espirito de Jesus que seja tomada melhor decisão para o serviço ao Reino de Deus empreendido pela Congregação para o futuro.

Nelson Peixoto e Raimundo Nonato Souza

IMAGENS DO VI ERESER 2018 - COARI - AM