JUMIRE reúne 96 jovens no Seminário da Floresta

26/06/2014 22:19

publicado em: 09/06/2014


JUMIRE reúne 96 jovens no Seminário da Floresta

 O Seminário da Floresta, em Juiz de Fora (MG), abrigou, nos dias 6, 7 e 8 de junho, o Encontro da Juventude Missionária Redentorista (JUMIRE), que contou com a participação das unidades de Campos, Cariacica, Rio de Janeiro, Juiz de Fora (Floresta e Glória), Belo Horizonte (São José e Venda Nova), Coronel Fabriciano e Curvelo, totalizando 96 pessoas. Na noite de sexta-feira, foi realizado um momento de oração, tendo como tema “O Redentor te chama pelo nome”, a cargo dos seminaristas. Carlos e Gleison prepararam uma reflexão, trazendo também como tema o texto bíblico “O Chamado de Samuel” e contando com as presenças do Padre Vicente de Paula Ferreira, C.Ss.R., Superior Provincial MG-RJ-ES, e do Diácono Fagner Dalbem, C.Ss.R.

 

Carlos Renato, de 20 anos, integrou a Juventude Redentorista e está há dois anos na Comunidade Vocacional Santo Afonso, em Juiz de Fora. Ele avaliou o encontro como “bom para unir toda a juventude e discutir temas missionários”. Além disso, enfatizou a “oportunidade de se ter um tempo de convivência para partilhar o carisma missionário redentorista” e ressaltou perceber este momento como um “olhar de esperança”, quando são dados “os primeiros passos daqueles que daqui a um tempo estarão incendiando, se apossando desta realidade de ser redentorista para propagar esta experiência onde estiverem”.

 

Na manhã de sábado, o seminarista Maycon Ferreira Martins, da Comunidade Vocacional São Clemente, proferiu as palavras de acolhimento, apresentando as unidades presentes no evento. Em seguida, Fráter Marcos da Silva Santos, C.Ss.R., redentorista da Vice-Província da Bahia que há três anos reside na Comunidade Vocacional Dom Muniz (Belo Horizonte), fez uma explanação sobre a experiência missionária redentorista. Para ele, a importância do encontro consiste na "oportunidade de inquietar os corações dos jovens em seu desejo de ser Redentorista com a comunicação desta realidade missionária, que é própria de nossa Congregação e dos jovens. Sair de si e vir ao encontro do outro”.

 

Os trabalhos da tarde foram conduzidos pelo padre Flávio Leonardo Campos, C.Ss.R., que apresentou formas práticas de ações missionárias, abordando aspectos a partir da vivência de Santo Afonso e do Carisma Redentorista. Foram partilhadas diversas experiências missionárias de cada unidade presente no encontro, objetivando a construção de um projeto comum para a missão dos jovens. À noite, a festa junina animou a juventude, embalada pela tradicinal quadrilha.

 

Para o padre Flávio, o evento teve dois objetivos centrais: no primeiro, "reunir e entrosar a Juventude Redentorista, fortalecendo o elo de comunhão". Em um segundo momento, "oferecer formação redentorista para os jovens que fazem parte de nossa família”.

 

O encerramento do evento aconteceu no domingo, na Capela Nossa Senhora de Fátima, após a experiência missionária na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, sob a coordenação da Juventude da Glória e da Floresta. Durante a missa, a Juventude de Campos dos Goytacazes fez uma homenagem para Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

 

Ao avaliar o encontro, Padre Vicente de Paula Ferreira, C.Ss.R., Superior Provincial MG-RJ-ES, demonstrou plena satisfação e disse que os 96 jovens participaram ativamente. “Este é um grande trabalho realizado em todo o Brasil, um convite aos jovens da Província para continuar o trabalho. Não somos um grupo, temos um estilo de vida, um jeito de ser que é o jeito de Jesus, que precisa ser mostrado na vida através de ações missionárias”, disse o Provincial.

 

O Encontro da JUMIRE tem caráter nacional e é realizado pelas nove unidades no Brasil, cada uma de acordo com a sua realidade, que trabalham sob as orientações de uma linha mestra elaborada na última reunião da Comissão Nacional da Juventude Redentorista, no final de maio.

  

Informou: Geraldo Muanis

 

Voltar