FRANCISCO CONVIDA À LEITURA DE “GLÓRIAS DE MARIA”, DE S. AFONSO

06/04/2015 10:41

 

pope_penitenzieria2

No dia 12 de março, na Sala Paulo VI, o Santo Padre Francisco recebeu em audiência os participantes do Curso Anual sobre Foro Interno promovido pela Penitenciária Apostólica.

Papa Francisco dirigiu um breve discurso aos presentes no qual assinalou que “Entre os Sacramentos, certamente o da Reconciliação torna presente, com eficácia, o rosto misericordioso de Deus: o concretiza e o manifesta continuamente, sem parar. Não o esqueçamos nunca, seja como penitente, seja como confessores. Não existe pecado que Deus não possa perdoar! Nenhum! Somente aquele que se exclui da divina misericórdia não pode ser perdoado, como aquele que se esconde do sol, não pode ser iluminado, aquecido. à luz desse maravilhoso dom de Deus, quero destacar três exigências: viver o Sacramento como meio para nos educarmos à misericórdia; deixarmo-nos educar quando o celebramos; guardar o olhar sobrenatural”.

No fim do discurso, deu um conselho de um dos escritos de Santo Afonso:

” E desejo a vocês, caros irmãos, que aproveitem o tempo quaresmal para a conversão pessoal e para dedicarem, generosamente, à escuta das confissões. Desse modo, o povo de Deus pode alcançar purificado a festa da Páscoa que representa a vitória definitiva da Divina Misericórdia sobre todo o mal do mundo. Confiemos em Maria, Mãe da Misericórdia e Refúgio dos pecadores. Ela sabe como ajudar a nós, pecadores. Eu gosto muito de ler as histórias de Santo Afonso de Ligório e os diversos capítulos do seu livro “As Glórias de Maria”. Estas histórias de Nossa Senhora, que é sempre o refúgio dos pecadores e procura o caaminho porqque o Senhor perdoa tudo. Que ela nos ensine esta arte. Abençoo vocês de coração e, por favor, peço a vocês de rezarem por mim. Obrigado.”

Para acessar as “Glórias de Maria” e outros textos, pode-se acessar a obra crítica dos Redentoristas no site:

www.intratext.it

 

Voltar