Festa da Padroeira

04/10/2013 21:17
Coletiva de imprensa apresenta programação e novidades aos jornalistas
Publicado em: 04/10/2013



Nesta manhã de sexta-feira (04), profissionais da imprensa se reuniram no Santuário Nacional de Aparecida para a entrevista coletiva com autoridades responsáveis pela Novena e Festa da Padroeira 2013: o Cardeal Arcebispo de Aparecida, Dom Raymundo Damasceno Assis, o Bispo Auxiliar de Aparecida, Dom Darci José Nicioli, e o Reitor do Santuário, Padre Domingos Sávio da Silva.

Dom Damasceno revelou detalhes de sua viagem pela Europa, como representante da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, e do encontro com Papa Francisco no último final de semana.

Em seguida, o cardeal falou sobre a importância catequética da Novena de Aparecida:

“Temos sempre preocupação com a evangelização, porque o intuito da Novena é nos apontar para Jesus. O centro da evangelização é Jesus, a Boa Nova, o caminho, a verdade e a vida. Devemos anunciar que Ele é o filho de Deus e Maria que, além de Mãe, foi discípula e Missionária de Cristo. Por isso toda nossa Novena tem sido evangelizadora, através dos textos, das encenações e pregações que querem nos falar de Jesus, através de Maria. É um momento importante, de rezar por nosso Brasil, nossos dirigentes, novo povo. Momento de louvar e agradecer a Deus por tudo que tem nos concedido através de Maria, nossa Mãe”.

Dom Darci José explicou que a Novena deste ano está inserida no projeto do Jubileu de 300 anos do encontro da Imagem de Aparecida no Rio Paraíba do Sul, que serão completados em 2017.

“Até 2017, faremos da Novena uma grande catequese. A cada ano celebramos um dos Mistérios do Rosário. Ano passado o tema foi ‘Com a Mãe Aparecida seguimos Jesus, nossa Alegria’, em função dos mistérios gozosos. Em 2013, os Mistérios Luminosos estão nos guiando com o tema ‘Com a Mãe Aparecida seguimos Jesus, nossa Luz’; e em 2014 teremos os Mistérios Dolorosos e, assim, vamos fazendo uma catequese sobre os Mistérios de nossa fé”, esclareceu o bispo.

Segundo Dom Darci, além de Mariológica, a Novena é também Cristocêntrica: “Sentimos que o mundo precisa novamente conhecer Jesus, por incrível que pareça. Muitos igualam  Jesus a um personagem comum da história. É preciso refazer a catequese para dizer que Cristo é filho de Deus, encarnou-se no seio da Virgem Maria e é o nosso Salvador, a comunicação perfeita do Pai. Depois de Jesus não haverá outra revelação do Pai”, reforçou o bispo.

Entre as novidades da programação, as autoridades ressaltaram o Terço que será rezado no dia 12 de outubro, em comunhão com outros nove santuários do mundo, via satélite, com uma mensagem ao vivo do Santo Padre, Papa Francisco. “Isso é bom porque projeta Aparecida ainda mais para o mundo, e nós nos sentimos corpo, como Igreja em todo o mundo”, disse Dom Darci.

Por fim, o reitor do Santuário Nacional, padre Domingos Sávio da Silva, repassou com os jornalistas toda a programação da Festa da Padroeira 2013, incluindo a Procissão Memória, na noite do dia 11, seguida da Vigília que seguirá até as 4h30 da manhã do dia 12. Padre Domingos lembrou ainda que a primeira Celebração Eucarística do dia será às 5h00 e, em seguida, haverá a tradicional Missa das Crianças às 7h00, e a Missa Solene às 9h00. “Na parte da tarde teremos o Terço com Papa Francisco, ao vivo, das 14h00 às 17h00. Na sequência, realizaremos a Procissão Solene e o show de encerramento, com os padres Juarez e Alessandro Campos”, concluiu padre Domingos.

A expectativa é de que 150 mil pessoas visitem o Santuário Nacional no dia da Padroeira do Brasil.

Voltar